Arquivos da categoria: História

Passagem do tempo – observando sombras

Na minha opinião, é fundamental tornar o abstrato em algo concreto sempre que possível para facilitar a compreensão das crianças. Pelo que tenho observado, os livros didáticos atuais têm seguindo essa linha propondo formas de concretização e experimentação de conceitos através dos sentidos, como a observação e a manipulação. Obviamente, isso não quer dizer que as atividades cheguem a ser realizadas. Mas nós aqui em casa adoramos experimentos!

Sem sombra às 12:15

Sem sombra às 12:15

Durante nosso estudo sobre o tempo, por exemplo, nos deparamos com 3 sugestões de experimentos nos livros de Ciências e História. As atividades sugeriam a observação e o registro da passagem do tempo como preparação para a apresentação dos conceitos de ‘dia’, ‘semana’ e o ‘calendário’. Uma delas era a análise das posições e tamanhos da sombra de uma estaca na vertical, como um obelisco.

Sombra às 14:30

Sombra às 14:30

Lemos um pequeno texto contido no livro sobre formas antigas de medir o tempo e então partimos para a prática.

Usamos uma parte da Torre de Hanoi* para servir de obelisco e o colocamos exposto ao sol. Por 3 vezes – ao meio-dia, no meio da tarde e no final da tarde – visitamos o objeto e anotamos o horário e registramos em foto a sombra resultante. Após a coleta, analisamos as imagens e conversamos sobre esse método de analisar a passagem do tempo: Melhor para dia ou semana? Sempre possível usá-lo? Para uso pessoal, como nossos relógios?

Longa sombra no final da tarde

Longa sombra no final da tarde


Torre de Hanói é um brinquedo de lógica. Para ler a respeito e ver imagem, clique aqui.

Esse post não é marketing, tampouco é um serviço remunerado. Aqui expresso minhas opiniões pessoais a respeito de recursos que eu e meus filhos usamos durante o tempo de estudo deles em casa com o intuito único de compartilhar experiências. 

Importância e uso dos documentos

Todo livro didático para crianças na faixa de 3 a 7 anos começa tratando de identidade, nome, família e documentos. No livro de História do meu filho, esse último assunto se restringia a um pequeno texto sobre registro, uma atividade que pedia para circular imagens de documentos que eles possuíam (dentre 4 opções) e a confecção de um RG já providenciado no fim do livro. Nada mais.

Tipos de documentos

Decidi expandir o assunto: falar dos documentos, seus usos e importância. Iniciei mostrando todos os meus documentos, os mencionados no livro e outros não-mencionados (e.g.: certidão de casamento, titulo de eleitor, carteira do plano de saúde, etc). Enquanto eles manuseavam os documentos, eu ia dizendo para quê eles serviam. Eles riram das fotos, perceberam que alguns já eram antigos, pois estavam amarelados e meio rasgados, e observaram que eu tinha muito mais documentos que eles…

Depois desse momento, pedi que eles indicassem os documentos necessários para apresentação em algumas situações. Por exemplo: Estamos no aeroporto. Viajaremos para Portugal. Que documento precisaremos apresentar? Outras situações foram:

  • Estamos indo para a casa da vovó de carro. Há uma blitz na rua. Que documento papai precisa ter?
  • O bebê vai tomar vacina hoje à tarde. Qual documento precisamos levar?
  • Vamos a uma consulta médica. Que documento a secretária/recepcionista vai pedir?
  • É dia de eleição e vocês vão ajudar mamãe a votar. Que documento precisamos levar?

Simulei os ambientes usando móveis, objetos e adereços, como cadeiras, mesas, computador, uniformes, cones, apito, urna, caixa registradora, etc. Eles assumiam os papeis de quem deveriam apresentar os documentos e eu de quem os pedia. Foi bem legal.